Parte 10 – Como fazer um cronograma físico-financeiro

Parte 10 – Como fazer um cronograma físico-financeiro

Este post faz parte da Série – Como fazer um Cronograma.


Cronograma físico-financeiro

O cronograma físico-financeiro, muito utilizado nos projetos de construção (obras), tem características que podem ser utilizadas em quaisquer projetos. Ele é “físico” porque apresenta o “avanço real” das entregas do projeto, no caso das obras são as etapas de constrção. Ele é “financeiro” porque apresenta os custos relacionados no tempo.

Por que usar o cronograma físico-financeiro

Este modelo de cronograma é bastante prático, ele pode ser utilizado para mostrar em um só diagrama, o percentual de avanço de todas as entregas do projeto, além dos custos envolvidos.

É bastante útil para justificar o valor da obra, conseguir investidores e sobretudo, monitorá-la. Ele auxilia no monitoramento do fluxo de caixa, permitindo que o engenheiro possa antecipar os momentos de desembolsos. Ajuda ainda, a projetar a obra no tempo, mostrando qual a nova previsão de conclusão a cada atualização.

Como organizar o cronograma físico-financeiro

Fundamentalmente o cronograma físico-financeiro deve mostrar: entregas, progresso (%) e custos incorridos no tempo. Existem diferentes formas possíveis para mostrá-lo, abaixo apresento um formato exemplo, que permite o cálculo automático dos custos menais e acumulados.

Cronograma fisico financeiro

Cronograma físico-financeiro – Exemplo 1

Exemplo de outro formato de cronograma físico-financeiro:

Cronograma fisico financeiro 2

Cronograma físico-financeiro – Exemplo 2

Baixe o cronograma físico-financeiro utilizado no exemplo aqui

Se você procura um treinamento completo, acesse meu treinamentos online de MS-Project,  é o mais completo do mercado, com 5 horas de vídeo-aulas abordando conceitos e guias de como fazer.

Eli Rodrigues

Publicado por: Eli Rodrigues

There are 2 comments for this article
  1. Breno Amparado at 14:15

    Obrigado, foi de muito proveito.